Keila Caiani, criadora do MTD

Para o meu prazer

Engraçada essa nossa vida. Uma grande amiga minha sempre disse que eu precisava de tempo pra mim. E eu, cheia de razão, sempre disse que sim, eu fazia as coisas que eu queria e gostava. Mas não, eu não fazia. E não me dava conta disso. Precisei ser mandada embora do meu emprego para descobrir…

Perdas são ganhos

Os primeiros meses do ano foram recheados de perdas, das mais diversas. Perdi um amigo querido que, entre outras coisas, me alertou sobre pessoas que eram queridas por ele, mas que para mim poderiam ser prejudiciais (e foram). Uma vizinha tentou perder sua vida e eu acudi. Por conta disto, os filhos que não moram…

O olhar ao outro

O que somos reflete em como olhamos o mundo. É natural enxergarmos o outro da forma que fomos criados ou da maneira que nos formamos como seres humanos. Se somos desconfiados, iremos deduzir que todo mundo é também e naturalmente cada passo dado será pensado, repensado, analisado meticulosamente. Se acreditamos nas pessoas, fatalmente iremos acreditar…

Qual lugar você escolhe?

Aquilo que você acredita ser, você será. Não importa muito “o quê” pensamos sobre nós, mas sempre seremos exatamente tudo o que achamos a nosso respeito. E assim emitiremos aos outros também, pois a energia irradia. Isto quer dizer que se consideramos que somos inseguros, imaturos e incompetentes, seremos. Da mesma forma que se acharmos…

Brincadeiras à parte

Outro dia eu soube que uma pessoa ficou magoada com uma brincadeira que eu fiz. Logo ela, que sempre brinca com todo mundo das mais variadas formas. Logo ela, que parece sempre levar tudo na esportiva. Jamais imaginei que ela ficaria sentida. Além de eu ficar mal com a situação, me coloquei a pensar em…

O tom que damos às coisas

Outro dia tive um dia dividido em dois: uma parte dele muito realizada e outra parte esgotada. As duas não se relacionam, uma não ficou melhor ou pior por conta da outra, mas ambas partiram de mim: fui eu quem escolhi ter aquelas sensações. Meu dia começou com um reconhecimento muito importante sobre algo que…

Já foi metade

Metade do ano passou. Lá no começo você, eu e todo mundo pensamos em realizações para ele. Cada um, de acordo com o que gostaria que acontecesse, imaginou como seria o ano. Será que realizamos aquilo que nos comprometemos? Será que tínhamos ideia de que estaríamos exatamente onde estamos? A resposta é individual e pessoal.…

A receita de cada um!

Eu não me considero cozinheira, aliás sou ótima para provar novas receitas, não para fazê-las, mas quando me “meto” na cozinha eu me conecto automaticamente com a minha mãe e a minha tia. Me aventurei em fazer o primeiro pão integral da minha vida. O pão em si, lembra minha tia Odete. Ela era a…

Que a gente seja laço

Eu tinha uma ideia no papel. Um belo dia apareceu a oportunidade de concorrer a uma vaga para ter uma consultoria especializada que poderia enfim colocar meu projeto no ar! Inscrevi o meu projeto, sai pedindo votos da forma mais digital possível e em pouco tempo eu vi que outros inscritos receberam mais de 30…

O caldeirão da vida

Somos misturados. Uma porção de sentimentos no caldeirão que vive dentro de nós. Dias mais calmos, acessíveis, flexíveis e dispostos a compreender o outro. Por outras vezes estamos mais quietos, cabisbaixos e podemos receber qualquer conversa como uma forma de ataque, crítica não construtiva ou humilhação. Acontece que a vida vai caminhando não como a…

Onde é o nosso lugar?

Recentemente participei de um curso de escrita. Confesso que fiquei na dúvida se faria ou não, depois de desistir duas vezes confirmei a inscrição. Às vezes, quando a gente tem que estar muito num lugar, penso que nossos medos provocam uma enchente de sentimentos contrários tentando fazer com que nos dirijamos no caminho contrário ao…

Inspiremo-nos!

Eu me inspiro em muita gente. Me atraio por pessoas que me cativam naquilo que ainda não sou, naquilo que eu ainda não realizo, naquilo que eu me vejo engatinhando. Uma das coisas que eu mais admiro é quem não se desespera, quem consegue ter uma mente calma e pacífica. Que sabe a hora de…

Do que somos feitos

Nasci duas vezes numa vida só. Primeiro, em 1984, quando meus pais me trouxeram ao mundo e me firmei como o caçula e, em 1994, quando eles decidiram por fim ao relacionamento que tinham. Nasci duas vezes porque a separação é um recomeço para o casal, mas também o nascimento de um novo olhar sobre…

Sonhos e realizações

Ao voltar no tempo e rever os primeiros textos que eu escrevi do motivação, notei que ele é muito maior do que eu. Relendo me peguei pensando em quem havia me inspirado para escrever determinadas palavras. E curiosamente alguns textos tem me ajudado a lembrar quem sou, porque eu luto todos os dias para chegar…

Brilhemos!

O céu vai voltar a brilhar porque faz parte da vida momentos montanha-russa: dias super alto astral e dias menos animados. É natural também momentos em que ficamos estacionados com a sensação de que não estamos fazendo nada, não estamos produzindo algo de interessante. É porque sempre nos comparamos ao outro. O outro nos dá…