Somos todos os lados

Tem gente que reclama por não ter peça nova no armário para sair ou que só tem um casaco de frio. Outros reclamam porque faltou água no condomínio onde mora. Tem gente que reclama da fila para entrar num restaurante e acha um absurdo ficar esperando. Alguns rezam para conseguirem comprar o carro dos sonhos…

Existem pessoas que agradecem todos os dias quando por ventura conseguem um prato de comida que os sustentem o dia todo. E ficam contentes quando aquela roupa rasgadinha aparece numa sacola junto com alguns outros pertences usados para que ele use, afinal é tudo o que ele tem. Quando esperam por horas ou até mesmo dias para serem atendidos no hospital público, sentem-se gratos por tomarem alguma injeção ou quando levam uma caixinha de amostra grátis de remédio.

Quem está certo? Quem não está?

Todos os pontos de vista estão certos, porque dentro de nós existe a individualidade. Não cabe julgar em qual das frases acima estamos inseridos, mas podemos trocar os papéis e se hoje eu sou a pessoa que que fala com pesar que não tem uma peça nova no armário para sair, quem sabe não posso me transportar mentalmente para ser aquela que aceita de bom grado uma sacolinha de roupas bem esfarrapada e fico imensamente feliz por isto?

Estar no lugar oposto ao nosso pode ser o desafio maior de empatia existente, mas permite que possamos ser mais amorosos com o mundo. Ter dinheiro, condições de estudar em boas escolas, viajar para bons lugares, conhecer várias culturas, sair para os melhores lugares, não tem mal algum.

Mas deixar de perceber tudo de bom que temos da vida e reclamar de coisas que seriam o mundo de outra pessoa pode ser até egoísmo. Aqui, os exemplos são materiais para facilitar a comparação, mas podemos mudar a situação para sentimentos e analisar a quantidade de gratidão que temos em nosso coração.

Ser grato é um estado de espírito. É a leveza no coração e a certeza de que não importa o que estamos passando, tudo está certo e acontecendo como deve ser.

Agradecer as tempestades também é uma forma positiva de encontrar soluções em meio as adversidades! O que não impede que tenhamos dias mais desafiadores que outros e nem que algumas lágrimas escorram, mas permitem que nós possamos ser melhores. Cada dia mais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*
Website