Tempo

Há dores que vem para o bem

Que tal se a gente puder avaliar a nossa vida pelos momentos importante de dores que tivemos ao longo do caminho? A princípio, pode parecer sem lógica o que eu estou dizendo, mas doer faz bem. Qualquer dor no corpo nos avisa que algo não está andando bem, certo? Então, sentir dor é um sinal […]

Um campo neutro

Se algo não vai bem, se temos alguma situação desafiadora em nosso caminho que está nos deixando tensos ou desanimados. O que fazemos? A maioria de nós entende que pedir ajuda não é uma opção. Isto foi algo que a nossa sociedade inseriu diminuindo qualquer pessoa que possa demonstrar o que chamamos de sensibilidade, mas que […]

Das escolhas que fazemos

No nosso dia a dia temos escolhas a fazer, o tempo todo. Algumas delas podem ser pensadas, estruturadas, planejadas e assim sendo, decidimos com total clareza. Normalmente são aquelas opções que permitem prazo para realizar. Só que em muitos casos as atitudes ou decisões acontecem em frações de segundos, sem a menor possibilidade de voltarmos atrás […]

Juntos somos mais

Toda vez que eu encontro pessoas que estejam passando por momentos muito desafiadores e que ainda sorriem, embora pudessem chorar eu penso:  – Será que se fosse eu no lugar dele ou dela teria esta força? A verdade é que eu não tenho a resposta, mas sei que muitas outras pessoas me olham e pensam […]

O que vem fácil

É muito comum ouvirmos por ai que tudo que vem fácil vai embora com a mesma rapidez. Normalmente esta frase está associada a velocidade com que algumas situações acontecem em nossa vida e também vão embora. Considerando que aquilo que vale realmente a pena precisa de preparo, demora, elaboração, pois é feito especialmente para nós. […]

Abrir mão

Quando entendemos que o tempo daquela situação terminou começa um processo bem profundo de desapego. É como se estivéssemos colocando numa sacola as roupas que não nos servem mais, mas que, ao mesmo tempo,  temos uma ligação muito profunda, então, abandoná-las acaba nos dando uma sensação de perda.   Acontece que as perdas não são […]